Como dizer não: o guia absolutamente completo!

guia como dizer não - Escola Eduardo Cirilo - Método DeRose Porto - viver em alta performance

Já alguma vez sentiste que disseste “sim” quando no teu íntimo sabias que querias dizer “não”? Curiosamente, isso já aconteceu mais vezes, não já? E tu és daqueles que acha que para ter resultados na vida se devem agarrar todas as oportunidades, certo?

Se respondeste mais de 2 sins, Honk! Honk! - primeira buzinadela de aviso - continua em frente e lê o que apenas te for relevante… se por acaso foram 3 sins, então estás proibido de parar e lê-me até ao final porque o próximo som que vais ouvir vai ser o Boom! por teres estourado. Mas se as respostas foram “não”, “não” e “não”, estás de parabéns - Clap! Clap! plec! plec! - não leias mais nada e envia-me um comentário a explicar como conseguiste.

O que aprendi até agora, é que o maior desafio para saber dizer “não”, está na forma como é dito para não desvalorizar e nem desrespeitar o outro.

É um verdadeiro desafio!

Como este guia tem muito conteúdo, não deixes de o ler pela falta de tempo. Se necessário, vai direto a um dos 5 tópicos ou opta mesmo pelo audio cast. Tópicos:

  1. 9 verdades que não te deixam dizer “não“
  2. 4 métodos que as pessoas usam para obter sim
  3. 8 Vantagens de dizer “não”
  4. Como dizer “não”? 18 conselhos para conseguires dizer “não” sem culpa
  5. 10 expressões simples para saberes dizer um “não” bem dito

O Steve Jobs uma vez disse: “As pessoas pensam que ter foco significa dizer sim para aquilo em que te estás a focar, mas não é assim. Significa dizer não a outra centena de boas ideias que existem.” Mas porque é que é assim tão comum não conseguir dizer “não”?

verdades como dizer não - Escola Eduardo Cirilo - Método DeRose Porto - viver em alta performance

9 verdades que não te deixam dizer “não“

  1. Queres ajudar Tu és uma boa pessoa e não queres deixar de ajudar mesmo que isso te prejudique o teu tempo pessoal. É sinal que gostas da reciprocidade.
  2. Tens medo de ser mal educado É resultado da força da palavra “não” que ainda tem uma conotação negativa e aí podes sentir que estás a ser mal educado. Não conheces um amigo que faz parte de milhares de grupos do WhatsApp e do Facebook, dos quais não pediu para entrar mas que também não sai? Eu conheço alguns …
  3. Queres ser cooperativo Não te queres simplesmente alienar do teu grupo porque não concordas e por isso, dizes “sim” ao invés de dizeres “não”.
  4. Tens medo de conflitos Tens receio que a pessoa se zangue, que incite uma discussão e na consequência gere conflitos no futuro .
  5. Tens medo de perder uma oportunidade Neste caso, eu enquadro nas situações profissionais em que te sentes intimidado com a chefia ou mesmo, com um cliente.
  6. Medo de danificar relacionamentos Muitas pessoas encaram um “não” como uma rejeição e isso pode enfraquecer e até danificar as relações pessoais e profissionais.
  7. Queres proteger a tua vaidade Não gostas de ser visto como uma pessoa generosa? Quando dizes “não”, deixas claro que os teus interesses são mais importantes para ti do que os desejos dos outros.
  8. Queres ser bem visto pelo grupo Acontece quando acreditas que ao falar “sim” para tudo e para todos serás bem visto nos grupos em que participas. Seja no trabalho, na família ou nas amizades, acreditas que as pessoas que são mais prestativas são as mais espetaculares do grupo.
  9. Tens medo da rejeição Na maioria das vezes a dificuldade em dizer “não” deve-se justamente ao medo de seres rejeitado. Algumas pessoas têm medo e não suportam a ideia de alguém ou algum grupo não a aprovar.

“Eu não sei qual o segredo do sucesso, mas o segredo do fracasso é tentar agradar todo mundo.” ― Bill Cosby

Continua a ler para saber mais sobre como aprender a dizer não.. É importante o tema seguinte. Vou-te alertar para as pessoas treinadas a fim de obterem o teu “sim”.


manipular como dizer não - Escola Eduardo Cirilo - Método DeRose Porto - viver em alta performance

4 métodos que as pessoas usam para obter sim

  1. Bullying A pessoa insiste que faças o que ela quer, e pode ser até má ou agressiva. Tu podes controlar isso, mantendo-te calmo e não reagindo no tom agressivo.
  2. Queixas Uma pessoa que gosta de reclamar poderá comentar sobre como algo é difícil para ela até que tu te ofereças para fazer antes mesmo de ela pedir. Tu podes mudar de assunto ou evitar o contato com a pessoa por um tempo.
  3. Culpa Algumas pessoas tentarão fazer com que tu te sintas culpado dizendo que tu “nunca” ajudas ou que “nunca” apareces nos momentos difíceis. Lembra a pessoa calmamente de todos os momentos em que apoiaste e recusa a ajuda agora. Desta vez será diferente.
  4. Elogios Uma pessoa poderá começar a dizer como tu és fantástico(a) ou como és inteligente. Em seguida ela pedirá para tu fazeres algo. Não caias nessa armadilha porque senão vais acabar por concordar só porque foste elogiado(a).

A questão seguinte é: Há vantagem em dizer “não”? Vale a pena continuares a ler? Claro. Vamos lá adiante…


8 Vantagens de dizer “não"

No momento em que passei a entender o que perdia por não saber dizer “não”, tornei-me mais assertivo e dono do meu tempo. Vê só o que descobri:

  1. Deixas de ter de fazer as coisas por obrigação
  2. Deixas de te sobrecarregar fisicamente e emocionalmente
  3. As situações tornam-se menos angustiantes
  4. Ficas uma pessoa mais coerente
  5. Não irás lidar com as más consequências sozinho(a)
  6. Quando falas “sim” para tudo e para todos estás a dizer “não” para os teus sonhos
  7. O “não” faz as pessoas crescerem
  8. No final, tudo ajusta-se!

Posto isto, quais os conselhos que te dou para não te sentires culpado ao dizeres “não”?


aprende como dizer não - Escola Eduardo Cirilo - Método DeRose Porto - viver em alta performance

Como dizer não? 18 conselhos para conseguires dizer “não” sem culpa

  1. Utiliza respostas simples. De maneira firme e direta dá respostas simples. Lembra-te de que não estás a pedir permissão para dizer “não”. Não inventes desculpas e dá razões para não aceitar.
  2. Pensa no teu tempo livre. Depois de fazeres isso, serás capaz de dizer “não” com mais confiança.
  3. Não te comprometas, se não poderes fazê-lo. Faz só o que sintas capaz; podes sugerir outras alternativas, mas em nenhum caso te comprometas, se realmente não podes.
  4. A negação independe da rejeição. Se tu negas um pedido, não quer dizer que estás a rejeitar a pessoa que fez o pedido. O direito existe tanto para quem diz “não”, como para quem pede o favor.
  5. Não te sintas culpado por dizer não aos teus “filhos”. Se és pai, padrinho, mentor ou monitor isto é para ti… os teus “filhos” devem ouvir o “não” de vez em quando, para que desenvolvam um sentido de autocontrole e possam estabelecer limites.
  6. Sê fiel a ti mesmo. Valoriza o que realmente desejas.
  7. Vai direto ao ponto, sem entrar em detalhes. Na tentativa de não magoar o outro, talvez tentes justificar-te demais, como se estivesses a pedir desculpas por não ajudar. Não faças isso! Lembra-te de que não estás a fazer nada de errado ao priorizar os teus compromissos.
  8. Pede um tempo para pensar. Se não estás totalmente confortável para atenderes a um pedido, pede um tempo para pensar. Decidires sem analisar todos os ângulos é a receita para te arrependeres mais tarde. Desconfia sempre que alguém te pressionar a tomar uma decisão.
  9. Repete, repete. A pessoa pode insistir que dês uma resposta imediata. Fica firme e repete calmamente a tua justificativa: “Eu preciso verificar se não terei um compromisso no mesmo horário”. Se for preciso, continua a repetir. Harriet Braiker chama a isso de técnica do disco arranhado.
  10. Nunca são apenas 5 “minutinhos”. Algumas pessoas são incrivelmente insistentes. Mesmo quando dizes “não”, elas retrucam que será “rapidinho”. Cuidado, essa é uma armadilha! No fundo sabes que não é verdade.
  11. Cuidado com os manipuladores. Algumas pessoas podem usar estratégias de persuasão para te manipular. Elas aproximam-se, são simpáticas, fazem-te um pequeno favor, mas depois vêm pedir algo em troca. Como queres retribuir o favor, não consegues recusar. Esta técnica de manipulação chama-se reciprocidade.
  12. Lista as consequências. Escreve duas listas. Uma com o que vai acontecer se disseres “não” e outra se disseres “sim”. Usa mais a experiência e menos a imaginação. Não fantasies sobre o que pode acontecer depois.
  13. A culpa não é tua. Talvez encontres quem não aceite ouvir um “não”, e é principalmente para essas pessoas, diz o psicólogo Odair Comin, que deves dizer “N-Ã-O”. Se alguém reage mal, é um problema da pessoa, que não sabe lidar com a frustração. Não sejas refém de quem te quer convencer com birra.
  14. Elogia + Nega + Agradece. Esta é a fórmula básica para dizeres “não” a um convite da forma mais educada possível. Começa a valorizar animadamente a proposta, diz que (com muita pena!) não poderás aceitá-la – dá alguma justificativa – e termina a agradecer a lembrança e a deixar para uma próxima.
  15. Passa ou repassa. Pensa bem: és a única pessoa que poderia fazer o que te pediram? Provavelmente não. Em vez de negares de imediato, podes delegar a solicitação para alguém que terá mais interesse em realizá-la e/ou mais responsabilidade sobre a questão.
  16. Faz outra proposta. Pode sentir vontade de atender ao pedido, mas não a tudo o que te foi solicitado. Explica que não poderás fazer o que te pediram, mas diz que terias prazer em contribuir de alguma forma. Só não uses este recurso quando, na verdade, desejas dizer um “não” total.
  17. Encerra o assunto. Se a pessoa rejeitar a tua contraproposta, simplesmente encerra o assunto. Não te justifiques.
  18. Reflete sobre o não. Examina as situações que se repetem com frequência em que gostarias de passar a dizer “não”. Até vale ensaiar a resposta em frente ao espelho. Assim, quando estiveres diante dela, vais-te sentir mais preparado(a) para impor os teus limites.

Por fim, quais as frases, expressões e sentenças que podes começar a usar ?

confiança como dizer não - Escola Eduardo Cirilo - Método DeRose Porto - viver em alta performance

10 expressões simples para saberes dizer um “não” bem dito

Agora que estamos a chegar ao fim do artigo, como é que dizes o não? Lembra-te que o princípio da felicidades está na simplificação. Então simplifica… usa expressões descomplicadas como estas:

  1. “Neste momento eu não me posso comprometer com isso, estou com outras prioridades, obrigado(a)!”
  2. “Desculpa, esta não é uma boa hora, estou no meio de uma tarefa importante. Podemos conversar daqui a X horas?”
  3. “Isso não está nas minhas prioridades, mas vou anotar e pensar sobre o assunto.”
  4. “Agora eu não posso. Mas vou pensar sobre o assunto e conversamos depois.”
  5. “Acredito que eu não seja a melhor pessoa para ajudar-te. Porque não falas com fulano?”
  6. “Posso ajudar-te com isso amanhã (ou depois) às X horas?”
  7. “Já tentaste pesquisar em algum lugar como é que isso se faz?”
  8. “Não te posso ajudar agora, porque faria de qualquer forma.”
  9. “Eu adoro fazer isso, mas não posso!”
  10. “Não, não posso!”

E agora?

O que fazer com todos estes “nãos” que aprendeste a dizer?

Simples: com todo o tempo que ganhaste, investe-o na tua formação pessoal, nos teus sonhos, no teu propósito de vida. É tempo de Viveres Em Alta Performance e adquirires um estilo de vida afirmativo (com o “sim” no que realmente é construtivo), porque como diz DeRose: “Se a proposta for discordar, todo o mundo concorda.” (blog do DeRose)

Quais são as tuas opções para conseguires dizer não ?

Deixa um comentário logo abaixo sobre o que mais gostaste, ou sobre alguma dica extra que desejas partilhar ou até mesmo alguma crítica sobre o que escrevi. Se gostaste, faz um share clicando nos botões de repartilha aí na tua frente.

Ah, e não te esqueças

Agora é a melhor hora para começares a Viver Em Alta Performance. Aplica o que acabaste de ler e transforma a tua vida positivamente. É altura de passares para o próximo nível. Acredita em ti, não aceites desculpas e faz acontecer.

Até à próxima semana,

Edu Cirilo


Complementa a leitura com estas recomendações:

Acompanha o video blog Viver Em Alta Performance no Youtube.

Fontes de referência

http://mundodapsi.com/5-dicas-e-vantagens-dizer-nao/http://www.noticiasmagazine.pt/2015/aprenda-a-dizer-nao/https://amenteemaravilhosa.com.br/aprender-dizer-nao/http://mdemulher.abril.com.br/estilo-de-vida/9-dicas-para-voce-aprender-a-dizer-nao/http://pt.wikihow.com/Dizer-N%C3%A3o-Sem-se-Sentir-Culpadohttp://www.olheforadacaixa.com/como-dizer-nao/https://atitude.com/voce-sabe-dizer-nao-ou-sempre-tenta-ser-o-bonzinho/http://estadozen.com/artigos/7-formas-simples-dizer-nao